Que bom que você veio!!


Que bom que você veio!!
Quero escrever textos que nos ajudem a entender um pouco mais daquilo que Deus tem para nós, para falarmos uma mesma linguagem. Não tenho o objetivo de ser profundo, nem teológico, nem filosófico, nada disso. Quero dizer coisas simples que pululam em minha mente, sempre atento para não contradizer em nada a minha fé, ou o que creio ser a vontade de Deus.
No mês de Agosto/12 há um texto que explica o significado e o porquê do nome Xibolete.

8 de mai de 2015

Cafe com leite.

Tomava café da manha com meus pais e fiquei observando minha mãe, com seus 86 anos, tomando café com leite num copo de plástico, desses que tem uma tampa com um bico que evita derramar. Naquele instante me vi diante da minha neta com seus 3 anos tomando seu "namnam" (toddy batido com leite) que, quando estou em casa com ela, só eu posso fazer, por causa de um ritual que inventei. Netas nos fazem fazer coisas que nem imaginamos que poderíamos fazer.

Aquela cena e a lembrança da minha neta me fez pensar no ciclo da vida. Nascemos e, por razoes obvias, dependemos completamente de outros para tudo. Com o passar dos anos a nossa dependência diminui. Em algum momento da nossa vida chegamos ao absurdo de imaginar que não dependemos de ninguém. Com o passar dos muitos anos chegamos a fase dos "enta" (quarenta, cinquenta, sessenta...) e percebemos que vamos nos tornando dependentes novamente. E quantos mais "entas" acumulamos mais precisamos de ajuda. No caso de minha mãe, depois de alguns derrames, um infarto, um tornozelo quebrado recentemente e etc, a dependência é muito grande.

Você pode argumentar que nem todos são assim, e eu sou obrigado a concordar. Meu pai com a mesma idade é quem cuida dela. Mas mesmo assim tenho uma irmã que mora perto e o ajuda, pois sozinho seria muito mais difícil. Mas quem te garante que com você será diferente?

O sábio autor bíblico já nos mostra que com o passar dos anos as coisas mudam e chegará o tempo "quando os guardas da casa tremerem e os homens fortes caminharem encurvados; quando pararem os moedores por serem poucos, e aqueles que olham pelas janelas enxergarem embaçado; quando as portas da rua forem fechadas e diminuir o som da moagem; quando o barulho das aves o fizerem despertar, mas o som de todas a canções lhe parecer fraco; quando você tiver medo de altura, e dos perigos das ruas; quando florir a amendoeira, o gafanhoto for um peso e o desejo já não se despertar" (Ec 12:3-5).

Este é um retrato perfeito do que acontece com o ser humano com o passar dos tempos. E não adianta academia, plásticas ou que recursos forem utilizados tentando fugir. Em algum momento você passará por isso, se chegar até lá. Os ossos se tornaram fracos e tremediços. Os dentes cairão e mastigar se tornará uma dificuldade. Os olhos enfraquecidos precisarão da ajuda de óculos, cada vez mais fortes. Os ouvidos se negarão a ouvir as mais belas canções e o canto dos pássaros. E, o que é pior principalmente para os homens, o desejo sexual não mais existirá.

Queira Deus que isto não suceda a você. Mas, como ter certeza? Não da para ter. Por isso envelhecer requer sabedoria. Nem todos sabem envelhecer. E não deve ser muito fácil mesmo, pois vivemos como se isto nunca fosse acontecer. Aproveitamos o hoje como se não houvesse a possibilidade de um longo amanhã. Enquanto jovens, achamos que nunca envelheceremos. Quando eu tinha meus 20 anos achava que os sessentões eram velhos. Hoje tenho 56 e me acho um garoto. É assim que vivemos.

Não gosto muito dessa coisa de receitas para isso ou aquilo, mas acho que a sabedoria para envelhecer passa pelo ensinamento de Salomão que diz: "por mais que um homem viva, deve desfrutar sua vida toda" (Ec 11:8). Em outro lugar ele orienta: "alegre-se, jovem, na sua mocidade! Seja feliz o seu coração nos dias da sua juventude! Siga por onde seu coração mandar, até onde a sua vista alcançar" (Ec 11:9) mais adiante ele ensina: "afaste do coração a ansiedade, e acabe com o sofrimento do corpo" (Ec 11:10).

Então é isso. Viva! Viva plenamente a vida a todo gás. A promessa de Deus é vida em abundância. Não economize vida. Viva intensamente. Alegre-se na sua juventude ainda que a sua juventude já esteja na casa dos "entas" e sejam quanto "entas" forem. Desfrute tudo que quiser e puder. Tome muito café com leite, com ou sem copo de biquinho. Viva enquanto é tempo, pois haverá um tempo em que não mais. Viva a vida com vivacidade. Viva a vida com exuberância. Viva cada segundo como se fosse o ultimo da sua vida. Viva sua vida do jeito que você achar melhor. Viva como quiser.

Não sei o que você achou de tudo isso. Talvez você esteja pensando: "Que texto mais café com leite". Talvez tenha achado que foi só mais um blábláblá de um blogueiro sem noção. Talvez um devaneio da minha cabeça. Talvez você ache que usei textos com pretextos, ou talvez nem goste muito de Salomão. Mas vou concluir meu texto com a mesma conclusão que ele usou em seu livro, pois é a melhor parte de tudo: "TEMA a Deus e OBEDEÇA aos seus mandamentos, porque isso é o ESSENCIAL para o homem. Pois Deus trará a julgamento tudo o que foi feito, inclusive tudo o que está escondido, seja bom, seja mau" (Ec 12:13,14). Destaquei estas palavras do texto justamente para chamar sua atenção para o que realmente importa.

E tenho dito.

Um comentário:

Deixe seu comentário, pois é sempre bom saber o que você pensa.